Conteudo Principal
Sistema de Produção e Transporte
As principais origens de água do sistema são superficiais – albufeira de Castelo do Bode (rio Zêzere) e margem direita do rio Tejo, em Valada, mas existem também cerca de 20 captações subterrâneas localizadas em Alenquer, Lezírias e Ota.

O sistema de Produção e Transporte é constituído por 3 subsistemas que se desenvolvem ao longo de mais de 700 Km de adutores, com uma capacidade nominal de produção que pode atingir mais de 1.000.000 m³/dia e uma capacidade de reserva de cerca de 370.000 m³. Estes subsistemas são dotados de 2 Estações de Tratamento de Água, 31 Estações Elevatórias, 28 Reservatórios e 17 Postos de Cloragem.

A água produzida é aduzida ao sistema por meio dos adutores de Castelo do Bode e do Tejo. No percurso até Lisboa e para entrega aos municípios clientes são ainda utilizadas outras importantes infraestruturas de transporte como o aqueduto Alviela, o adutor Vila Franca de Xira-Telheiras, o adutor de Circunvalação e o adutor da Costa do Sol.

Subscreva a Newsletter "Água na Rede"

Tem de escolher a Newsletter que pretende subscrever
Clique aqui para mais EPAL
Clique aqui para esconder MENU